Aprocesf faz balanço positivo do 29º Seminário Nacional de Cebola e 20º Seminário de Cebola do Mercosul

Uma visita de campo à área irrigada do Projeto Salitre, na manhã desta sexta-feira (28), marcou em Juazeiro – BA, o encerramento do 29º Seminário Nacional de Cebola e 20º Seminário de Cebola do Mercosul. O evento, que reuniu produtores, estudantes, pesquisadores, professores e especialistas de vários estados brasileiros e de países como Argentina, Chile e Uruguai, foi considerado um sucesso pelos realizadores (Associação dos Produtores de Cebola do Médio São Francisco (Aprocesf), Associação Nacional dos Produtores de Cebola (Anace) e a Embrapa.

De acordo com o presidente dos seminários, Pedro Cavalcante, o encontro que começou na última quarta-feira (26), no Complexo Multieventos da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), obteve pleno êxito com o público que superou as expectativas, a qualidade dos palestrantes e a diversidade de temas apresentados. “Tivemos mais de 600 participantes debatendo temas como mercado, produtividade, melhoramento genético e sustentabilidade da cadeia produtiva da cebola. Foram momentos extremamente ricos com 12 palestras, um painel, visita de campo e a assembleia geral da Anace, onde escolhemos o novo presidente da entidade”, completou.

A eleição da nova diretoria da Anace reuniu produtores de estados como Santa Catarina, São Paulo, Rio Grande do Sul, Paraná, Minas Gerais, Goiás, Rio Grande do Norte, Pernambuco e Bahia. O novo presidente, Rafael Jorge Cursino, e o vice-presidente, Antônio Carlos Pagano, que ocupava a presidência da entidade, vão dirigir os trabalhos da Anace pelos próximos três anos. Bastante motivado com o desafio, o dirigente eleito, que é produtor de cebola há 20 anos em Brasília, apresentou um plano de gestão com metas a curto, médio e longo prazo. “Vamos inibir a concorrência desleal com a entrada no país de cebola estrangeira, com ênfase para o produto da Holanda. Por outro lado, procuraremos organizar a cadeia produtiva com a criação de uma secretaria executiva, além de estabelecermos uma melhor comunicação com a sociedade e o governo. É também plano nosso levar a sede da Anace para Brasília, tendo em vista a posição estratégica desse centro de poder”, anunciou Rafael Cursino.

Ao final do encontro, representando a comitiva de estrangeiros, o argentino Sergio Daniani, também fez um balanço positivo do evento, principalmente no que diz respeito aos resultados obtidos com o 20º Seminário de Cebola do Mercosul. “Trocamos informações importantíssimas sobre a cadeia produtiva, com destaque para as novas tecnologias, o mercado de cebola no Mercosul e dados de produção. E aproveitamos ainda para divulgar a 21ª edição do Seminário, que ocorrerá em abril de 2018, na  nossa capital, Buenos Aires”, adiantou.

Kátya Elpydio4766 Posts

Criei o Borimbora com o objetivo fundamental de fazer com que você esteja sempre à frente do seu tempo no que diz respeito à comunicação na sua totalidade. Nenhum de nós é TÃO BOM quanto todos nós JUNTOS!

0 comentários

Deixe um comentário

Login

Bem vinda! Entre na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password