Cia de Dança Robson Correia estreia “O Leque de Oxum”

  • Cia de Dança Robson Correia estreia “O Leque de Oxum”
  • Cia de Dança Robson Correia estreia “O Leque de Oxum”
  • Cia de Dança Robson Correia estreia “O Leque de Oxum”
  • Cia de Dança Robson Correia estreia “O Leque de Oxum”
  • Cia de Dança Robson Correia estreia “O Leque de Oxum”

Espetáculo acontece nos dias 25 e 26.10, às 20h no Espaço Xisto Bahia

Nos dias 25 e 26 de outubro, a Cia de Dança Robson Correia que completa 12 anos, presenteia o público com o espetáculo O Leque de Oxum, recriando o universo do Orixá da água doce e as possibilidades dos seus atributos. A apresentação acontece às 20h no Espaço Xisto Bahia, e conta com o apoio institucional da Escola de Dança da Fundação Cultural do Estado da Bahia (FUNCEB). Ingressos custam $20 (inteira) e $10 (meia). 

O Leque de Oxum levanta o questionamento sobre como dar conta de tantas facetas que envolvem a senhora dos grandes feitiços, protetora dos oráculos e guardiã dos mistérios femininos. É um privilégio e ao mesmo tempo um grande desafio falar de Oxum, talvez o mais cultuado e amado dos Orixás no Brasil e em todos os lugares atingidos pelo processo civilizatório africano na diáspora. Oxum é símbolo focal do panteão afro-brasileiro, a grande mãe, protetora das gestantes, crianças, Yabá sedutora e vaidosa.

Movimentos sutis, fortes e com uma carga de dramaticidade, foram pontos fundamentais para que a composição de sequência coreográfica surgisse, o que permitirá aos espectadores um embarque no universo de Oxum, além da sensualidade presente nos corpos dos intérpretes, aspecto explorado no processo de criação.

“As investigações das movimentações deram vazão ao corpo dos dançarinos e possibilitou a releitura das faces dessa deusa do candomblé”, afirma o coreógrafo Robson Correia, que além de diretor da Cia é professor e coordenador dos Cursos Livres da Escola de Dança da FUNCEB.

A Companhia

A Cia de Dança Robson Correia nasceu em 2004 a partir do projeto carnavalesco Mata Borrão para o carnaval do Centro Histórico de Salvador, onde continua atuando com os subprojetos a cada festa momesca. Foi oficializada em 2009 e é composta por artistas de diversos segmentos da arte, 18 membros no total.

A Cia persegue a premissa de que “o artista tem de ir onde o povo está”, objetivando revitalizar e difundir a arte em seu mais amplo aspecto. Em 12 anos de existência, vem se consolidando como uma das mais bem-sucedidas companhias de dança no Estado da Bahia, ao promover o acesso a espetáculos e projetos de qualidade, a um público amplo. Seus espetáculos das mais diferentes investigações têm circulado por praças públicas e espaços culturais de Salvador e outras localidades, formando plateias e levando artes ao longo deste tempo.

Ficha Técnica:

Direção Geral e Coreografia: Robson Correia

Interpretes Co-Criadores: Cristhiane de Jesus, Estevam Costa, Luana França, Joeli silva, Willians Ferreira

Produção: Robson Correia

Assistência de Produção: Leandro Pereira

Figurino: Cid Brito

Cenografia: Jorge Alberto

Iluminação: Anderson Rodrigo

Trilha Sonora: Robson Correia

Edição de Trilha Sonora: Mauricio Daltro ( Chokito)

Revisão de Trilha Sonora e Operação de Som: José Maia

Filmagem e Edição de Vídeo: Hélio Oliveira

Operação de Projeção: Helio oliveira

Assessoria de Comunicação: Monique Reis

Fotografia: André Frutuoso e Hélio Oliveira 

Serviço:

Espetáculo “O Leque de Oxum”

Quando: 25 e 26 de outubro, 20h

Onde: Espaço Xisto Bahia

Quanto: $20 (inteira) e $10 (meia)

 

Kátya Elpydio5645 Posts

Criei o Borimbora com o objetivo fundamental de fazer com que você esteja sempre à frente do seu tempo no que diz respeito à comunicação na sua totalidade. Nenhum de nós é TÃO BOM quanto todos nós JUNTOS!

0 comentários

Deixe um comentário

Login

Bem vinda! Entre na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password