Por que eu não consigo emagrecer?

Muitas pessoas, todo ano, todo mês, todo dia e toda hora estão tentando perder peso. E, no entanto, mais do que nunca antes na história, estamos nos tornando cada vez mais obesos. Isto não é um acidente. Há uma infinidade de fatores que impedem as pessoas de perderem peso, alguns dos quais você pode estar ciente e outros nem tanto.

Além disso, por que estamos tão obcecados com o peso? Há mais fatores para isso do que você pode perceber, e nós, como sociedade, temos muitas razões por trás da obsessão com nosso corpo e imagem. Os homens são quase tão obcecados como as mulheres, ao contrário do que alguns pensam.

Fatores envolvidos:

  1. Muitas calorias

Para começar, estamos simplesmente comendo demais. Nosso marketing para junk food, fast foods e refrigerantes subiu a um nível alarmante. Todos estes elementos fazem com que nós adicionemos peso, e também torna duplamente difícil realmente perder peso. Ao mesmo tempo, o que vemos na televisão, nos anúncios de revista e online? Magros, as pessoas felizes, adicionando um elemento psicológico que é extremamente difícil de superar. A fascinação superficial pode levar muitos a transtornos alimentares, ou simplesmente com uma relação doentia com a comida. Estamos atualmente comendo uma média de 57 quilos a mais de carne do que fazíamos na década de 1950.

No geral, temos visto um aumento de mais de 20% no total de calorias consumidas desde os anos 1970. O que é importante ter em mente, é que nossos corpos e necessidade de calorias não mudaram durante esse tempo apesar de comermos mais do que nunca. Mesmo as crianças e bebês sofrem deste problema.

Como podemos parar de consumir tantas calorias? Bem, a primeira coisa a fazer: cortar todas as calorias líquidas. Eles contêm muito pouco nutrientes e apenas um monte de açúcar.

Uma vez feito isso, as coisas ficam mais fáceis seguindo uma dieta de estilo Paleo. Eliminando grãos e produtos lácteos, acrescentando gorduras de qualidade, proteína de qualidade e melhores fontes de carboidratos. Isso também elimina o excesso de açúcar, o que é uma grande preocupação quando se trata de excesso de consumo de calorias. O açúcar é viciante e é completamente desnecessário. A batata-doce, por outro lado, contém grande quantidade de nutrientes, é baixa em calorias e baixo teor de açúcar – proporcionando uma ótima alternativa para calorias.

  1. Stress

Stress. Comer alimentos quimicamente gratificantes é um grande problema para o nosso mundo e nós somos muito propensos a consumir estes quando estamos estressados.

Batata frita, pizza e donuts são três dos maiores infratores quando se trata de obesidade. Esses alimentos também contêm muito poucos nutrientes. É fácil ver como cortar esses alimentos, mesmo quando extremamente estressado, pode nos ajudar a perder peso e, talvez mais importante, tornar-se mais saudável em geral.

  1. A falta de sono

Um grande problema nos dias de hoje é o sono. Ou, mais precisamente, a falta de sono. Estamos sub-dormindo, às vezes a um nível alarmante, e é o que nos leva a fazer uma dieta pobre resultando em um fluxo de mudanças bioquímicas e hormonais.

  1. Problemas Hormonais

O fator que está menos sob nosso controle é a resistência à leptina. Aqueles que estão acima do peso são geralmente resistentes à insulina. A leptina é o hormônio da “saciedade”, que ajuda a regular a quantidade de gordura que você armazena. Muitos de nós estamos resistentes à leptina.

A resistência à leptina é causada por uma variedade de coisas. Muito açúcar é certamente um deles. Nas orientações oficiais para adultos o consumo de açúcar deve cair para cerca de 25 a 30 gramas de açúcar por dia. Isto é menos do que uma lata de refrigerante.

A resistência à leptina também resulta do excesso de frutose. Isto significa que as frutas mais elevadas em frutose não devem ser consumidas regularmente. De vez em quando, claro, mas não todos os dias. As únicas exceções reais para isso são mirtilos e amoras, que são tão ricos em nutrientes, que vale a pena tomar o pouco de frutose que vem com eles. Um exemplo de uma fruta que você pode querer evitar em uma base regular é uvas.

Outra opção que seria bom para cortar são maçãs. Elas são, provavelmente, a fruta menos nutritiva que existe e também são muito ricas em açúcar. Como você pode ver, problemas de obesidade e peso não são o que pode parecer à primeira vista.

Uma significativa perda de peso não acontece da noite para o dia. Leva tempo, e é preciso um pouco de esforço. Se você não está se exercitando ainda, comece agora. Acelere o processo.

Por: Drª. Maria Weber | Médica Ginecologista Obstetra Mastologista Vegana Paleo Fitoterápicos e Nutrição Funcional.

 

Kátya Elpydio5508 Posts

Criei o Borimbora com o objetivo fundamental de fazer com que você esteja sempre à frente do seu tempo no que diz respeito à comunicação na sua totalidade. Nenhum de nós é TÃO BOM quanto todos nós JUNTOS!

0 comentários

Deixe um comentário

Login

Bem vinda! Entre na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password